domingo, outubro 22, 2006

cardos e prosas...

Não foram poemas nem rosas
Que colheste no meu colo
Foram cardos foram prosas
Arrancados ao meu solo

Sem comentários: