segunda-feira, agosto 24, 2009

Altos e Baixos 2

É assim que anda a recuperação da minha mãe.
Aos altos e baixos.
Ora tem força e ânimo para fazer a fisioterapia e a terapia da fala, ora nos trata mal como se a tivessemos presa no hospital.
A vontade de ir para casa 'cega-a' e reage muito mal connosco. Outras vezes é um doce.

As melhoras são poucas. Desde Sexta-Feira que consegue articular melhor as palavras, o que já é muito bom. Essa melhoria deu-lhe ânimo na Sexta-Feira e Sábado, mas no Domingo já estava negativa outra vez...

Ontem tratou-me mal e hoje disse-me que estava cheia de saudades.
Tudo isto é 'normal', eu sei.
Mas é muito difícil vê-la assim.

2 comentários:

Carlos disse...

Coragem e ânimo, amigo. Temos de ser nós a dar-lhes força e a transmitir-lhes espernça em que as coisas vão melhorar. Abração

Draco disse...

Cada dia em que a vou ver é uma surpresa! Pode estar animada, bem disposta, negativa, fatalista, revoltada, furiosa, alegre... enfim, é uma roleta russa.