sexta-feira, novembro 27, 2009

2012


Um filme de acção e aventuras e um filme catástrofe muito adorado aqui por casa (não por mim). No entanto é um bom filme de diversão para estes dias chuvosos. Muito americano, com muitos efeitos especiais. Uma boa história, afinal, se não formos muito exigentes.

Puro entertenimento!!

quarta-feira, novembro 25, 2009

A origem das Espécies - 1ª Edição


A primeira edição do livro de Charles Darwin 'A ORIGEM DAS ESPÉCIES' teve 1250 exemplares.
Um desses raros exemplares foi ontem vendido em leilão por £103,250. Dizem os donos que o livro livro foi comprado por uns míseros trocos há cerca de 50 anos e era guardado na casa-de-banho das visitas da sua casa.

Como lhes disse comprei ontem o meu exemplar. Felizmente que por um preço muito mais acessível.

E não me digam que são bonecos...

terça-feira, novembro 24, 2009

150 anos de ORIGEM DAS ESPÉCIES


Faz hoje 150 anos que foi publicada a obra A ORIGEM DAS ESPÉCIES, de Charles Darwin.

Esta é uma obra importantíssima a nível científico e também a nível social. Ainda hoje são contestadas algumas das idéias publicadas neste livro, especialmente por fanáticos religiosos.

Por contestar a 'criação' de todas as espécies por deus, Darwin esperou cerca de 20 anos até publicar os resultados das suas observações numa viagem de circum-navegação a bordo do HMS Beagle e depois dos seus estudos, já em Inglaterra.

Estou a ler o livro 'Darwin's Garden' e é com grande interesse que venho a conhecer cada vez melhor este personagem muito importante no estudo da natureza.

Não tenho nenhum exemplar da ORIGEM DAS ESPÉCIES. Hoje é um bom dia para comprar, não acham?

domingo, novembro 22, 2009

As Esquinas do Tempo


Nunca tinha lido nada da Rosa Lobato de Faria e só li este livro porque me foi oferecido por uma amiga que estava entusiasmada com a história.

No entanto achei-a estranha. É uma apresentação da histórias das mulheres de uma família através dos tempos através de umas estranhas 'viagens no tempo'. E eu até costumo gostar de histórias fantásticas!

Muito ricas muito chiques, misteriosas e com nomes muito aborrecidos e todos começados por M que baralham um bocado pois nunca sabemos quem é a Matilde, a Mariana, a Madalena e temos várias Margaridas e ainda uma Mafalda. Bem... torna-se aborrecido. Pelo menos para mim.

Falta-lhe... condimentos para uma história mais interessante.

quarta-feira, novembro 18, 2009

Julie e Julia


Uma mulher - Julie Powel - a chegar aos trinta propõe-se, sabe-se lá porquê, fazer num ano todas as receitas de um famoso livro de cozinha francesa escrito pela americana Julia Child e a escrever um blogue sobre isso. Aí começam as confusões.
As compras, a sua dificuldade em fazer qualquer coisa certa, o marido, a mãe, o irmão, as amigas, os colegas de trabalho, todos entram na confusão durante este ano de culinária francesa.

Se este livro não tivésse sido adaptado para o cinema e a actriz escolhida para interpretar Julia Child não tivésse sido a Meryl Streep, eu provavelmente não teria lido este livro.

Tem alguns momentos engraçados mas não é hilariante. A maneira de ser de Julie Powell não é compatível comigo. Sou uma pessoa que precisa de muito mais ordem na vida e só de ler as suas confusões me provocou ansiedade em algumas partes. E outra coisa. Ler sobre comida dá uma fome! Mesmo quando a maior parte das receitas resultaram em ´coisas' de aspecto nojento.

No entanto é engraçado ver como esta idéia que não lembra ao diabo resultou em muita sorte para a autora acabando com a sua vida muito mais interessante.

terça-feira, novembro 10, 2009

... mudar?



"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."
— Fernando Pessoa

domingo, novembro 08, 2009

New York, I Love You


Várias histórias que compõem um puzzle que resulta na grande diversidade que é hoje a cidade de Nova Iorque. Gostei do filme. Não está genial. Gostava que os nova iorquinos fossem mais típicos - menos cidadãos do mundo. Haverá com certeza americanos em Nova Iorque que não sejam imigrantes ou descendentes de imigrantes. Onde estás tu américa?

Uma Morte Súbita e Terrível

Mais uma vez Anne Perry não desilude. Pelo contrário, manipula o leitor fazendo acreditar e desacreditar nas personagens suspeitas que passam de bons a vilões deixando-nos baralhados.
Mais uma vez a equipa de Monk e Hester, assim como outras personagens que vimos a conhecer dos livros anteriores, fazem com que este quarto romance policial da série Monk nos deixe com vontade de continuar a ler mais.
Neste livro, para além da fiel descrição da época vitoriana em Inglaterra, temos um tema polémico - o aborto clandestino - e um crime que escandaliza a sociedade londrina por a vitima ser uma personagem exemplar. Paixão? Despeito? Serão razões suficientes para matar? Mais uma intrincada história com personagens riquissimas e emblemáticas da sociedade vitoriana. Várias reviravoltas no enredo deixam-nos suspensos na narrativa. Os capítulos do tribunal muito bem escritos e reflectores da emoção humana. Genial.

quinta-feira, novembro 05, 2009

Guy Fawkes e a noite das fogueiras


Celebra-se hoje na Inglaterra, dia 5 de Novembro, a noite de Guy Fawkes.

Os ingleses fazem bonecos de tamanho natural representando Guy Fawkes e as crianças passeiam o boneco pelas ruas pedindo moedas para o Guy. À noite acendem-se fogueiras e queimam-se os bonecos. O dinheiro recolhido é usado para comprar fogo-de-artifício que também é lançado na mesma noite. As pessoas reunem-se à volta das fogueiras celebrando o evento.

Mas quem foi Guy Fawkes?

A história remonta há mais de 400 anos, no ano de 1605, dois anos após a morte da rainha Elizabeth I, num acto de rebelião por lutas entre Protestantes e Católicos, um grupo de treze jovens organizou um plano para fazer explodir as casas do parlamento de Londres onde matariam o rei (James I), o principe de Gales e os membros do parlamento, além de muitos inocentes. Um desses treze conspiradores enviou uma carta anónima ao seu amigo Lord Monteagle, avisando-o para se manter afastado da Casa dos Lordes na noite de 5 de Novembro. Essa carta chegou ao rei e nas primeiras horas do dia 5, as autoridades capturaram Guy Fawkes nas catacumbas das casas do parlamento juntamente com 36 barris de pólvora. Foi torturado e executado.
Apesar do plano não ter resultado, os ingleses ficaram bastante abalados e o 'Gunpowder Plot' gerou tradiçoes na sociedade inglesa. Para além da celebração da noite do Guy Fawkes também o único dia do ano em que a rainha visita o parlamento é assinalado com o ritual de uma inspecção rigorosa às caves das Casas do Parlamento, não porque suspeitem de algum acto terrorista, mas porque os ingleses não são povos que deixem de respeitar uma tradição.

Esta tradição não é só celebrada em Inglaterra mas também são acendidas fogueiras em lugares distantes, antigas colónias inglesas, como em Nova Inglaterra, Nova Zelândia e Newfoundland, no Canadá.

Remember, remember the fifth of November,
Gunpowder treason and plot.
We see no reason
Why gunpowder treason
Should ever be forgot!

Guy Fawkes, guy, t'was his intent
To blow up king and parliament.
Three score barrels were laid below
To prove old England's overthrow.

By god's mercy he was catch'd
With a darkened lantern and burning match.
So, holler boys, holler boys, Let the bells ring.
Holler boys, holler boys, God save the king.

And what shall we do with him?
Burn him!

domingo, novembro 01, 2009

Substitutos

Um bom filme de puro entertenimento. Uma boa história e uns bons actores. Muita surpresa pelo caminho.