segunda-feira, março 15, 2010

Alice


Um conto de fadas. Não o original escrito por Lewis Carroll mas um conto reinventado, com as personagens do conto original. Um regresso ao 'país das maravilhas'.
Está fabuloso. Visualmente muito bem feito. As personagens muito bem caracterizadas. De certo um prazer para os actores. É verdade que o que vemos é 80% feito pelo computador. Mas está muito bom.
Quanto à história... bem, é uma história de fadas e só quem tem a juventude para acreditar nelas pode gostar.

quinta-feira, março 04, 2010

O Jardim dos Segredos (The Forgotten Garden)

Estamos perante uma pessoa que sabe contar uma história. Depois de 'O Segredo da Casa de Riverton' (The Shifting Fog), este 'O Jardim dos Segredos' (Forgotten Garden) não desilude, pelo contrário, entusiasma-nos e cativa-nos até à última página.
Apesar de nenhum dos títulos originais dos romances de Kate Morton incluir a palavra SEGREDO, os tradutores optam por modificar o título insistindo nessa palavra. Apesar de preferir uma tradução mais fidedigna dos títulos, concordo que as histórias desta autora são construídas em torno de um ou de vários segredos.

É o que acontece neste romance. Uma teia intrincada de situações misteriosas deixam-nos completamente agarrados ao livro, com vontade de ler mais e mais, até chegarmos à última página.
Um dos factos que, para mim, marcam um bom livro, é quando chego a meio e dou por mim a querer chegar rapidamente ao fim mas ao mesmo tempo a tentar ler devagar de modo a saborear a história por mais tempo.

A história é passada em três épocas distintas e vivida por três personagens femininas ligadas por laços familiares. Enquanto vamos lendo o que vai acontecendo com as três personagens vamos desvendando a história peculiar de uma criança de quatro anos que aparece no porto de Maryborough, na Austrália, viajando sozinha num navio proveniente de Inglaterra e sem memória de quem é ou da razão que a coloca naquela situação.

Uma das poucas pistas iniciais encontra-se numa pequena mala de viagem: Um livro de histórias para crianças.

Um ponto de partida cheio de mistério que se torna cada vez mais denso e interessante ao longo de todo o romance. Personagens e locais muito ricos. Ambientes misteriosos de uma Inglaterra no início do séc. XX. Uma mansão na Cornualha, uma casa abandonada numa falésia. Um Jardim secreto...

Terminei hoje este JARDIM DOS SEGREDOS e já anseio pelo próximo romance da autora que será editado no final do ano.