quarta-feira, dezembro 26, 2012

Por Favor Não Matem A Cotovia


'You never really understand a person until you consider things from his point of view... Until you climb inside f his skin and walk around in it.'

Um livro que me deu um grande prazer ler. Sempre tive a ideia de que este livro era muito massudo e difícil de ler. Não podia estar mais errado. Nesta obra de literatura muito premiada, partilhamos as aventuras de Scout, uma menina de 9 anos com muita curiosidade e esperteza muito aguçada, e de muitos outros personagens típicos de uma pequena aldeia no sul dos Estados Unidos. Os acontecimentos moldam o carácter das crianças e a presença e influência do pai é magistral. São personagens que nos parecem reais.

Uma grande obra que se lê sem darmos por isso e que aborda temas sérios de uma forma tão simples e inteligente que é impossível não gostar deste livro.
É daqueles livros que ficamos com pena de terminar e de não haver continuações.
Aconselho vivamente!

5 comentários:

redonda disse...

Já o li há algum tempo. Adorei o livro e o filme.

nuno chaves disse...

É um livro que quero muito ler... precisamente por ter lido opiniões como a tua....
mas não consigo encontrá-lo em lado nenhum :(

Draco disse...

Nuno, assim que estiver 'livre' empresto-to!
Abraço!

nuno chaves disse...

Obrigado Zé. Terei todo o gosto em ler.
Sei que as edições da Difel desapareceram e hoje para arranjar alguma é difícil, após uma pesquisa dei com outro título do autor, chamado "Mataram a Cotovia" publicado pela Relógio D'água (sabes alguma coisa sobre ele?) tem alguma coisa a ver com este?

Draco disse...

É o mesmo e, na minha opinião, mais com o título mais próximo do original "To kill a Mockingbird".