sexta-feira, agosto 31, 2012

Excuses

"IF GOD EXISTS, I HOPE HE HAS A GOOD EXCUSE."

                                                Woody Allen

domingo, agosto 26, 2012

The eye of the storm


Há pessoas assim. São o centro de uma tempestade que afecta tudo e todos à sua volta. Elizabeth está a morrer e ela sabe-o. 'Mas eu só morro se quiser' diz ela aos seus filhos adultos que vêm ver a mãe. Uma personagem forte, egoísta e manipuladora. Três actores: Charlotte Rampling (a mãe), Geoffrey Rush (o filho) e Judy Davies (a filha) degladiam-se numa perigosa dança de família. Um filme intenso mas pouco apaixonante. Falha pela falta de personagens com que o público se possa identificar. De qualquer modo uma boa interpretação e uma história interessante.

terça-feira, agosto 21, 2012

sábado, agosto 18, 2012

Brave


Está muito bonito este filme. Visualmente espectacular, os cabelos ruivos da protagonista estão fantásticos, e a floresta, e os fogos-fátuo, as paisagens, enfim. Muito bonito. As personagens são deliciosas como num bom e antigo filme da Disney, um grande cuidado ao detalhe tanto nas personagens principais como nas secundárias. Um banda sonora fenomenal, as vozes com sotaque escocês estão uma perfeição (Emma Thompsom como a rainha e a Julie Walters como a bruxa estão muito boas). E a história, os ambientes, as cores, as piadas, os momentos mais dramáticos. Tudo muito bom. Vão Ver.
Vi a versão Original e Digital.
Gostei de ver a curta 'La Lune' antes do filme. Dou-lhe Muitas Estrelas. :-)
Gostei também da dedicatória a Steve Jobs.


quinta-feira, agosto 16, 2012

The Tale of Hill Top Farm


Comecei a ler esta colecção de oito livros e acho-os maravilhosos. Para quem, como eu, adora tudo o que é 'very british' e especialmente da época victoriana, este livro é um verdadeiro prazer de leitura.
Todos conhecem a Beatrix Potter, a autora dos livros para crianças, pois bem, nestes livros, Beatrix Potter é a personagem principal. Passam-se em 1905 quando Beatrix compra uma quinta na pequena aldeia de Near Sawrey, em Cumbria. 
Apesar de alguns factos serem baseados na biografia da autora, o restante é ficção e aqui encontramos um delicioso conjunto de personagens características de qualquer aldeia de uma zona rural inglesa. E sem dar por isso, Beatrix Potter torna-se também detective, solucionando alguns misteriosos desaparecimentos na aldeia após a morte de uma idosa. Tudo isto com a ajuda de vários animais, personagens também intervenientes nestas histórias.
Chamem-me o que quiserem, mas eu adorei esta história. Vou ler, com certeza, os oito livros que compõem a colecção 'The Cottage Tales of Beatrix Potter'. 

Lido no Ipad. (Já nem dou por falta do papel e dou por mim a tentar virar uma página imaginária no aparelho).

sábado, agosto 11, 2012

Batman Dark Knight Rises



Sem dúvida um dos filmes do Batman mais interessantes. Uma boa história com algumas surpresas interpretada por um naipe de actores conceituados. Confesso que estou um bocadinho farto de filmes de super-heróis, confesso que as quase três horas de filme não me estavam a entusiasmar, mas no final é uma boa história, bem contada com bons efeitos especiais e que não se torna monótona. O que gosto também desta série é que conhecemos o passado dos personagens e este influência bastante a sua humanização. Não posso deixar de salientar a grande Anne Hathaway Catwoman que sem grandes fatos e sem um miau levou a personagem a um outro nível. Muito bom. Vão ver (4*)

terça-feira, agosto 07, 2012

O Mundo Invisível


Neste mar de novos escritores que vão aparecendo há por vezes pérolas que felizmente se salientam. Escritores que sabem contar histórias. Histórias com substância e personagens com alma. Assim acontece nesta segunda obra da escritora inglesa Katherine Webb. Passada em dois tempos diferentes, 1911 e 2011. Uma centena de anos separam personagens que são trazidas à vida quando o corpo de um soldado da primeira guerra mundial é encontrado enterrado com duas misteriosas cartas. Quem é o soldado e que eventos originaram as cartas encontradas. Uma história apaixonante que nos leva a viajar ao mundo da luta pelo voto das mulheres, ao mundo das fadas, e a uma casa de um pastor numa pequena aldeia inglesa onde tudo aconteceu. Muito Bom. (4,5 em 5, mas como o Goodreads só permite numeros inteiros, avanço para as 5 estrelas). Uma escritora à qual vou ficar atento.

segunda-feira, agosto 06, 2012

Red Lights


Fantástico! Há filmes que são ofuscados por blockbusters e que perdem pela falta de publicidade. Não se percebe. Se gostou de 'O Sexto Sentido' ou de 'Os Outros'... vá ver este filme. Uma boa história, inteligente, que prende o cinéfilo do princípio ao fim. Um elenco de luxo com Sigourney Weaver, Robert De Niro e Cillian Murphy e um argumento de cinco estrelas que manipula o espectador de modo a que o final seja surpreende e revelador. E mais não digo... têm que ir ver.

sexta-feira, agosto 03, 2012

Dar valor à vida...

'Someone has to die in order that the rest of us should value life more. It's contrast.'

 Virginia Wolf no filme 'The Hours'



quarta-feira, agosto 01, 2012

Gore Vidal

“Style is knowing who you are, what you want to say, and not giving a damn”

Gore Vidal, 


Esta semana o mundo está a perder grandes escritores. Desta vez foi o escritor norte-americano Gore Vidal que faleceu ontem aos 86 anos.
Com obras muito políticas e satíricas, scandalizou o mundo com a sua obra em que abordou o homossexualismo, lançada em 1948 - 'A CIDADE E O PILAR'. Por acaso tenho esta obra em casa, devo tê-la lido há imenso tempo porque não me lembro dela. Aqui está talvez um bom livro para voltar a ler um destes dias.
Mas o autor escreveu muitas outras obras: 'Burr', '1876', 'Lincoln', 'Hollywood' e tantas outras.
Mais uma vez, a sua obra mantê-lo-á vivo para sempre!