sábado, junho 08, 2013

O Aroma das Especiarias



Depois de ter lido muitos livros desta autora, confesso que andava um bocadinho desiludido com as suas histórias. Tanto que não li os 'Sapatos de Rebuçado', apresentado como a 'continuação' do conhecido romance da autora, 'Chocolate'.
Este 'O Aroma das Especiarias', cujo título original seria, traduzindo à letra 'Pêssegos para o senhor padre-cura' é, no entanto, um bom regresso à pequena aldeia francesa de Lansquenet-sur-Tannes, oito anos após 'Chocolate'. Este livro está publicitado como o nr. 3 da série.
A história está interessante, e é sobre os choques entre as sociedades cristãs católicas e muçulmanas reflectidas nas personagens do romance, que são bem construídas, com alma.
A história e narrada a duas vozes, a de Viane e do padre cura, que não se deram muito bem no primeiro livro mas que, por circunstancias diversas, unem agora as suas forças em prole da comunidade.
Gostei bastante. É um livro que apela aos sentidos, com o soprar do vento, os aromas, os pêssegos, as especiarias e... o chocolate.

Sem comentários: