sexta-feira, fevereiro 21, 2014

Philomena



Adorei este filme. A história é cativante e está contada de uma forma muito interessante. Ao longo do filme podemos ir seguindo a investigação de um jornalista que procura o filho de Philomena, dado à adopção há cinquenta anos e vamos descobrindo o que realmente se passou há tanto tempo atrás. Inspirada na verdadeira história de Philomena Lee mas com uma adaptação livre para interessar mais ao espectador, o que gostei mais foi de facto a personagem principal, interpretada magnificamente por Judi Dench ser uma personagem tão rica. Não é só um filme sobre a procura de um filho pela sua mãe, é um filme sobre outros tempos, sobre religião, sobre o poder e sobre fé. E é mesmo o registo sobre a fé e sobre a abordagem da influência da religião na cabeça das pessoas que gostei mais de ver. Por vezes é mesmo assim: Só a fé, ou a ignorância, nos podem salvar. Um filme a ver. 5 estrelas.

2 comentários:

João Roque disse...

Tenho cá para ver...

redonda disse...

Como estive a ler o final do livro, pensei que não quereria ver o filme...será que o filme termina como o livro?