terça-feira, dezembro 29, 2015

Flavia de Luce e a Bola de Cristal da Cigana



Sempre muito interessantes estas aventuras da enigmática Flavia de Luce. 
A história é curiosa mas, para mim, o que mais me fascina nas história de Alan Bradley sobre esta heroína, é a sua escrita, os detalhes, o humor e todo o ambiente de época que é criado. 
Muito boa e agradável leitura!

segunda-feira, dezembro 28, 2015

The Dressmaker


Vingança... um ponto de cada vez

Filme já visto há duas semanas mas que deixou boas impressões. Uma boa história, bem contada e com algumas surpresas. Com boas imagens e personagens com caricaturas bem conseguidas. Como era de esperar, um bonito guarda roupa.
E depois saímos com aquele gosto de vingança conseguida!

quarta-feira, dezembro 02, 2015

Hunger Games - A Revolta


E finalmente terminou a saga HUNGER GAMES. Digo finalmente porque este é um filme longo, que parece não ter fim.
A minha curiosidade nesta saga foi relativa e tem vindo a diminuir. Fui ver porque era o fim. Gostei dos efeitos, a história foi um pouco arrastada e esticada. O final não me surpreendeu. A personagem de Katniss sempre me irritou um pouco, o que não ajudou.
Dou-lhe um 3 (em cinco) pelo ambiente, pelos cenários, pelo guarda roupa e restantes efeitos visuais.
Talvez se tivesse lido os livros me tivesse relacionado mais com os personagens, assim, confesso que esta saga não me emocionou.
Fico feliz por ter chegado ao fim.

segunda-feira, novembro 30, 2015

A Rapariga no Comboio



Um livro que se lê muito bem apesar de, no início, eu ter demorado a entrar no ritmo da narrativa. Digamos que este tipo de história não é o que mais me atrai mas como está bem escrito, acabou por ser difícil pousar o livro sem matar a curiosidade de saber o autor do crime. 
As personagens estão muito bem descritas, ambíguas e difíceis, como devem ser num policial. Mas não é nem um pedrada no charco nem um prémio nobel da literatura. Os "dois milhões de cópias vendidos em pouco tempo" devem de ser resultado de uma boa estratégia de maketing. É, simplesmente, um bom thriller policial. Aconselho a leitura para os apreciadores do género.

quarta-feira, novembro 25, 2015

Até ao Fom do Mundo



Este não é um livro com uma narrativa convencional. A história vai-se desenrolando à medida que vamos lendo cartas, emails, relatórios, faxes e outros documentos intercalados pela narradora, a Bee, de 15 anos. É uma história interessante e de leitura cativante. Por vezes cómica e outras quase trágica. As personagens estão bem construídas e sem nos apercebermos, torcemos por elas, criamos laços. É uma história sobre a vida, sobre o que move as pessoas. Sobre a sociedade.
Gostei bastante. Aconselho-vos esta leitura!

segunda-feira, novembro 23, 2015

O Cavalheiro Inglês



Uma boa leitura. Gostei do retrato da época e das personagens, muito bem caracterizadas e muito interessantes, assim como os ambientes e as intrigas onde se inserem. Este livro tem alguns pontos que achei interessantes. Não há personagens boas e personagens más, ou melhor, há, mas as mais interessantes são com certeza as personagens ambíguas que nos desafiam a gostar, ou não, mesmo conhecendo ou suspeitando que nem tudo são rosas na sua vida. 
Depois vem as questões: será que os fins... justificam os modos menos ortodoxos que se usaram para chegar a eles? Dá que pensar... 
Foi a primeira obra que li desta escritora e irei, com certeza, ler mais.

segunda-feira, outubro 05, 2015

The Scorch Trials



É impossível não comparar. Uma grande diferença entre o livro e o filme mas essa diferença já se tinha vindo a verificar desde o primeiro livro. Estes até são talvez dos poucos exemplos que o filme se torna mais interessante. A ideia central está lá. Os acontecimentos também, mas acontecem de outra maneira ou num lugar diferente.
O cenário de destruição está bem conseguido e a história está interessante. Fico com curiosidade de ver como o realizador vai terminar a história e de ver as diferenças no terceiro filme. 
É um filme de acção, de ficção científica. É um bocadinho assustador em algumas sequências mas fazem parte da história. Não é para crianças.
Se gostam deste tipo de histórias, vão ver e não se irão desapontar. Uma boa continuação para a história do labirinto. 

domingo, outubro 04, 2015

No Limiar da Eternidade



Uma fantástica saga termina com este terceiro volume. Aconselho a sua leitura a todos que gostem de história. Acho que é mesmo um modo fantástico de compreender muito do que se passou no passado e se vem repetindo. Concluo que, definitivamente, não aprendemos com os nossos erros... Este livro, para pena minha não se foca tanto nas personagens inglesas mas sim na parte americana, russa e alemã. Acredito que em tão colossal tarefa de escrever sobre os acontecimentos do século passado alguns detalhes possam ter ficado para trás. Eu gostaria de ter sabido mais sobre algumas personagens a quem me afeiçoei nos dois volumes anteriores. Mas as novas personagens são igualmente ricas e interessantes. O mundo destes três volumes termina com uma nota positiva e esperançosa no futuro que nós já sabemos não ser assim tão luminoso. Talvez o autor ainda nos apresente outro volume com o que entretanto tem vindo a acontecer... eu não me importava. 
Muito bom!!

sábado, outubro 03, 2015

Estação Onze



O mundo como o conhecíamos termina em poucos dias. O que fazer quando até as memórias do passado começam a faltar? Neste romance futurista mas apocalíptico acompanhamos uma série de personagens e as suas vidas antes e depois do dia um. Muito boa leitura e uma história muito interessante, bastante detalhada e que se lê sem conseguir parar. Todos os pequenos detalhes são importantes e têm uma explicação. É curioso ir, à medida que a história avança, ligando todos os pontos que vão dando sentido à narrativa.E no final, talvez se descubra mais do que pensávamos...

domingo, setembro 20, 2015

Ricki and the Flash


Um filme com a Meryl Streep é com certeza um bom filme. Ao primeiro passo parece uma história simples, leve até. Mas se quisermos pensar um pouco, está muita coisa no filme que não é dito, mas que está lá, para quem quiser ver e perceber.
Um filme sobre escolhas que se fazem na vida. Opções. E família!
Bons actores. A Meryl streep a cantar rock! Divertimento! Comédia e um bocadinho de drama!
É um bom filme. Talvez nostálgico para alguns.
Vão ver!!

sábado, setembro 19, 2015

Seeds Of Hope

É claro que fiquei bastante curioso ao saber que a conhecida antropóloga Jane Goodall tinha escrito um livro sobre plantas. Não é um livro sobre jardinagem nem sobre botânica, artes que a própria afirma que não domina. Então porquê um livro sobre plantas? Este é um livro escrito pela naturalista Jane Goodall e a mesma admite que, desde sempre, sente um fascínio e uma grande admiração pelo mundo das plantas. 

O jardim da casa de família é uma memória constante e as plantas trazem-lhe recordações dos seus familiares, alguns já desaparecidos. As árvores são seres que a fascinam e as florestas lugares mágicos que deveriam ser respeitados e venerados pela sua importância para o nosso planeta. A história do mundo vegetal está cheia de episódios e de personagens interessantes e os seus legados são recordados pela autora neste livro. As suas experiências nas florestas onde estudou os primatas, nos jardins botânicos e em jardins de todo o mundo, plantas raras e misteriosas, plantas que nos podem curar e outras que nos podem ser fatais. São assuntos muito diversificados os abordados neste livro. 

A autora usa uma escrita simples e consegue despertar o interesse do leitor como uma boa professora ou alguém que sabe contar uma história. A última parte deste livro é dedicado à ecologia e a assuntos sérios sobre as plantações, o cultivo em massa de alimentos, os organismos geneticamente modificados e o futuro da agricultura e do nosso planeta. A autora apresenta factos e oferece a sua opinião numa mensagem positiva e cheia de esperança. 

Uma obra muito interessante e uma boa leitura que aconselho a todos.



sexta-feira, setembro 18, 2015

The Man from U.N.C.L.E.

Muito bom!! Muito bem filmado. Adorei os actores, a recriação da época, o guarda roupa, os cenários, a música, enfim, foi um prazer assistir a esta história interessante à la James Bond. Não conhecia a série de televisão por isso não posso comparar, mas o filme está fantástico! Vão ver!


terça-feira, julho 28, 2015

Mr. Holmes


Um filme bonito. Magnificas interpretações pelos três actores principais, o Ian McKellen, a Laura Linney e o jovem Milo Parker. Os cenários de época deixam-me encantado.
E para além de tudo isto temos a magnífica história, ou histórias, pois vamos assistindo ao desenrolar de algumas pequenas histórias secundárias que, como pistas, vão ajudar-nos a seguir a linha condutora da história principal até descobrirmos o final.
E no meio de tudo isto há uma ternura tocante pela velhice desta personagem, ou será só pelo caminhar para o fim da vida?
Muito bom! 


segunda-feira, julho 27, 2015

Magic Mike XXL


Sim, fui ver esta obra cinematográfica! Um filme cheio de... testosterona e alguma sensualidade. Não percebo como é que o argumentista diz que não encontra ideias para um terceiro filme quando este teve uma narrativa tão... intensa!
Enfim, o filme cumpre com certeza os seus objectivos!!

segunda-feira, julho 13, 2015

O Império Final



Um mundo novo de fantasia que não me cativou logo nas primeiras páginas mas cujo interesse foi crescendo à medida em que a leitura ia avançando. Não tem nem elfos nem anões, o que é uma novidade, e tem um novo conceito de forças ou de magia que está muito interessante. As personagens estão muito boas e a história desenvolve-se lentamente, introduzindo-nos neste novo mundo e nos novos conceitos da história que, no início nos podem parecer estranhos de assimilar! Num todo gostei bastante e irei continuar a ler mais sobre os "filhos das brumas" e o seu mundo fantástico!

sábado, julho 11, 2015

Minions



Quando se diz que já está tudo inventado, aparecem os Minions como personagens secundárias no filme do GRU MALDISPOSTO mas que, pela sua inocência, simpatia, originalidade e personalidade diversa rapidamente tomam conta do filme e roubam o protagonismo. Depois de dois filmes com o GRU, chegou o filme em que os Minions são as personagens principais. Para quem já viu o trailer, aquele bocadinho que mostra o aparecimento dos Minions e a sua ligação aos personagens maus da história da humanidade é o início do filme. A verdadeira história é a sua relação com Scarlet Overkill, uma vilã com todas as letras que têm como objetivo principal, roubar a coroa à rainha de Inglaterra. Depois são peripécias atrás de peripécias com muito humor à mistura, piadas inteligentes, personagens famosas, situações caricatas e o palavreado dos Minions que é, no mínimo, muito divertido!! Não esperem um filme fantástico e muito elaborado. Não é. Mas é muito divertido para quem acha os Minions divertidos!! A criança que há em mim fartou-se de rir!!

quarta-feira, junho 17, 2015

Blue Orchid Big Tree



Estamos em Inglaterra no século XIX. O mundo da botânica fervilha com todas as novidades que chegam dos quatro cantos do mundo. O exótico é moda na aristocracia. É o século das grandes descobertas. No sul da Inglaterra, na Cornualha, dois irmãos, William e Thomas Lobb, nascidos numa família simples e com poucos recursos vão tornar-se dois dos mais importantes caçadores de plantas de toda a história. Este é o livro que conta as suas fantásticas e quase esquecidas aventuras. Este é um livro para quem gosta de história e de botânica. Não conta somente as viagens dos dois irmãos na sua procura por plantas em terras longínquas. William explorou muitos países do continente americano, tanto América do Sul como o oeste da California e Thomas várias ilhas do sudeste asiático e India. Este livro mostra-nos uma sociedade ligada à botânica pelos mais diversos interesses: dinheiro, status, ciência ou paixão. É um livro maravilhoso, muito bem escrito e documentado, com fotos e ilustrações que ajudam a seguir a história destes dois irmãos que, para além de muitas outras espécies que revelaram ao mundo, descobriram a Orquídea Azul (Vanda coerulea) e a Árvore Gigante (Sequoiadendron giganteum), espécies ainda hoje enigmáticas e de interesse mundial. Aventure-se nas perigosas e desconhecidas selvas com os irmãos Lobb e descubra magníficos tesouros botânicos ao ler esta interessante recuperação histórica de toda uma época de grande importância para todo o mundo.

terça-feira, junho 16, 2015

Tomorrowland



É um filme engraçado mas falta-lhe qualquer coisa para ser um filme espectacular! Os efeitos especiais são a primeira coisa que nos surpreende, mas um filme não são só efeitos especiais. Há que haver uma história sólida que os suporte. E a história não é a mais interessante ou perde-se pelo meio. Quanto aos actores, gostei do George Clooney e da pequena Raffey Cassidy. A Britt Robertson tem muitas expressões que parecem caricaturas e o Hugh Laurie também não esteve tão bem quanto o esperado ou o personagem não o deixou mostrar mais... Em resumo: É divertido mas não vai fazer grande história.

segunda-feira, junho 15, 2015

Woman in Gold



Muito bom! Gostei muito da história, está muito bem contada. Gostei da recriação do passado e presente. Tem muitos bons momentos dramáticos, umas pontinhas hilariantes de comédia subtil e muito boas representações. A Helen Mirren está fabulosa e o Ryan Reynolds foi uma agradável surpresa. O restante elenco está muito bom. Um filme para ver, pensar e reflectir.

domingo, junho 14, 2015

Jurassic World



Eu já pensava que a formula estava esgotada e que era só mais um filme onde ia ver uns lagartos a comer humanos mas não. É muito mais do que isso. Está muito bem feito. Uma história interessante. Personagens pelas quais torcemos e outras que desejamos que terminem entre as mandíbulas de um dinossauro. Gostei bastante do Chris Pratt e da Bryce Dallas Howard, têm uma boa química no écran e gostei das pequenas nuances que a história dá sobre os perigos da ciência ir além do que deveria ir. E os efeitos especiais estão fabulosos, e os dinossauros estão fantásticos e em algumas cenas fiquei de boca aberta como fiquei quando assisti ao primeiro Jurassic Park há já uns aninhos! Se gostam do género, têm que ir ver!! Mas agora acho que já se deveria chegar à conclusão que os parques temáticos com Dinossauros verdadeiros não resultam, não é??? Ou será que não aprendem e vão voltar ainda à ilha?

terça-feira, maio 12, 2015

Nos Jardins do Rei


Como não podia deixar de ser, fui ver o filme "Nos Jardins do Rei" (A Little Chaos).
Realesa, A loucura da corte francesa. Os jardins de Versailles. Tudo isto misturado numa história interessante sobre a construção de um dos atrativos dos Jardins do palácio de Versailles misturado com um pouco de drama, uma pitada de romance e alguns bons momentos.
Apesar de um bom leque de actores e um filme 'limpinho', saí com a sensação de que faltou alguma coisa, ou na representação, ou na história, para que o filme fosse um êxito. Mas definitivamente um filme a ver.

segunda-feira, maio 11, 2015

Stoner



Nos primeiros parágrafos o autor diz-nos que William Stoner não foi ninguém importante e que a sua vida não marcou ninguém. Depois conta-nos quem foi realmente W. Stoner e a sua vida passada como professor universitário. As suas origens, a sua história, os seus amigos, as suas paixões e a sua morte. Muito, para quem supostamente teria sido "ninguém"... Uma história interessante e bem escrita. Que se lê compulsivamente. É algo triste e cheia de silêncios, de coisas por dizer. Incomodou-me a passividade e a aceitação sem luta do personagem, as conversas onde não disse nada, as discussões que não teve e as atitudes que não tomou. Muitas vezes William Stoner parecia um mero espectador do que lhe ia acontecendo na vida, aceitando tudo o que a vida e as outras pessoas lhe reservavam. Merecia melhor, mas também pouco ou nada fez para alterar o seu destino. Fraco?... talvez. De qualquer maneira uma boa história.

segunda-feira, maio 04, 2015

Os Vingadores: A Era de Ultron


Um filme de acção baseada nos super-heróis da banda desenhada. Com efeitos especiais fantásticos mas também com super-heróis com sentimentos e que, nesta guerra contra Ultron, se encontram mais humanos. Uma história interessante, com um fundo ecológico.
Gostei de ver e o grupo de actores é fantástico!! Venha outro! Pura adrenalina e divertimento!